Vocacional Oblata: Agosto 2013

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

44ª Semana Vocacional em Aparecida – Por Priscilla Fernandes


Vida Religiosa Consagrada: Jovem, venha testemunhar a alegria de amar.


No dia 23 de agosto Ir. Roseli e eu estivemos em Aparecida, que estava vivenciando a 44ª Semana Vocacional. Tendo inicio no dia 19 e findando no dia 25. Cada dia tinha um tema especifico a ser trabalhado, no dia em que nós estivemos foi o da Vida Religiosa Consagrada, com a temática: “Jovem, venha testemunhar a alegria de amar.”

Nós participamos do programa "Ponto de Encontro" da Rádio Aparecida ondas curtas. Foi com muita alegria que retornei a casa da Mãe e ao programa do Eriberto Carvalho.


Iniciamos nosso dia participando da Santa Missa às 9 horas, já entregando a Deus nosso dia e nossa missão, pedindo sempre a intercessão de nossa Senhora, para que fossemos instrumentos de Deus. Após a missa aproveitamos para rezar um pouco aos pés de nossa Senhora e pedir sua benção.



E assim fomos ao programa. Falar de vocação para mim é falar da vida, falar daquilo que dá sentindo à minha vida. E assim fizemos, fomos fazendo um paralelo de como vivenciar nossa vocação de Religiosa Consagrada e/ou fazer um discernimento num mundo tão imediatista, onde os jovens querem tudo para o hoje. Como utilizar destes meios para fazer um bom discernimento?

É necessário estar atento aos sinais que Deus vai colocando em nosso caminho. Porque Ele coloca, mas é necessário que estejamos atentas(os) a isto. E para que consigamos perceber estes sinais, mesmo em meio a tanto barulho e tanta informação, é necessário silenciar, rezar e deixar Deus falar. Sem oração não existe discernimento.

Que um discernimento vocacional acontece na mais pura liberdade de Deus que se revela, e do ser humano que responde a este ato de AMOR.

Falávamos também que precisamos testemunhar esta alegria de amar, esta alegria da vida religiosa, nas coisas do cotidiano, pois Deus é relação, Ele age através das relações. Preciso perceber, sentir esta presença no decorrer das atividades, na minha comunidade, na missão, no ônibus, metrô...



E por fim, um discernimento vocacional é muitas das vezes um “se lançar no escuro”, porque por vezes, não sabermos o que nos espera, mas certos de que Deus nos chama, de que confiamos n’Ele nos lançamos, nos arriscamos. Que medo sempre haverá, mas este medo não pode nos paralisar, devemos confiar em quem nos chama: Jesus. Porque a vocação é o sentido de nossa vida.


terça-feira, 27 de agosto de 2013

Cultivando Nosso Solo Sagrado para Acolher a Semente da Vocação - Por Ana Paula Assis



Ao longo da vida diante da vocação somos solos. 

Solo que precisa ser cuidado e contemplado para acolher a semente.
A semente da vocação necessita que o solo esteja pronto para ser fecundado.



Neste fim semana trabalhamos diante da nossa terra, do nosso ser para perceber a semente que nos foi semeada.

O semeador conhece a terra, mas a missão de fecundar e permitir o brotar da semente é opção de quem está a caminho e acredita no trabalho do semeador.



Dias que fomos convidadas adentrar no nosso solo sagrado. Já que terra trabalhada é terra a ser fecundada, na liberdade de acolher e viver diante do mistério da vida a ser gerada na missão assumindo verdadeiramente a vocação para uma consagração.





quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Encontro Vocacional em imagens

Comunidade Nazaré preparada para receber as jovens
para o encontro vocacional acontecido nos dias 17 e 18 de agosto.
Ornamentação dos espaços com o tema do Encontro.
Na manhã do sábado (17) as jovens participaram da missa
com as Irmãs e Marias da Comunidade Nazaré.
Dinâmica de Apresentação e Conhecimento
Momento de oração e reflexão do tema: "Preparando o solo
sagrado do nosso coração para germinar a semente da vocação".
Depois de alimentar o coração, vamos partilhar a refeição.
Vamos descontrair e brincar! A vida é linda  e a busca da Vocação também!
Apresentação criativa do texto Bíblico.
Aprofundando o tema.
Partilha do Caminhada Vocacional! Que chique numa televisão  em 3D ao vivo  e com a participação do fantoche do Papa Francisco!!! 
Lazer e Comemoração do Dia
 da Vida Religiosa com as Irmãs e Marias
Domingo Dia do Senhor - Santa Missa no Santuário de São Camilo.
Mais um Encontro termina e pedimos ao Deus Redentor
que caminhe conosco neste processo de busca.

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Sentimentos- Encontro Vocacional - por Conceição Bertelli

Um turbilhão de sentimentos foi provocado dentro do meu coração, participando do encontro em Nazaré.

Mas um teve destaque especial que foi o sentimento de Amor, transmitido pelas Irmãs e Marias a nós vocacionadas, através do carinho de suas orações e dedicação que compartilham, de suas experiências conosco que estamos na caminhada em busca do nosso projeto de vida, que é tão desafiador.Ter estado em Nazaré me possibilitou a graça do encontro com Deus, comigo mesma e com o próximo, que muitas vezes se torna distante em nosso cotidiano.




sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Encontro Vocacional

Hoje começa o nosso Encontro Vocacional “Preparando nosso Solo Sagrado para acolher a semente da vocação” na comunidade Nazaré.

Vamos estar unidas e rezar para que o encontro corra bem e que o Amor de Deus seja semeado durante esse final de semana.

 

Comunidade Nazaré celebra aniversário de consagração de três Irmãs


Ontem, dia 15 de agosto, quando em muitos lugares se celebra a Festa da Assunção de Nossa Senhora, comemoramos o aniversário de Consagração Religiosa Oblata das Irmãs: Antonia (63 anos), Asunción (56 anos) e Josefina (54 anos).

Celebramos na alegria e simplicidade com um momento de ação de graças, exibindo um vídeo em homenagem às irmãs, preparado com muito carinho e criatividade pela Paula do SAV e partilhamos um delicioso bolo que nos fez relembrar o quão doce é o Amor de Deus por cada uma de nós!


Agradecemos e louvamos a Deus por estes anos de entrega e amor à missão!




quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Feliz dia da Vida Religiosa e mês das Vocações!

Nós do Serviço de Animação Vocacional Oblatas, celebramos com toda Igreja o Dia da Vida Religiosa!

Queremos agradecer a cada pessoa que de sua maneira respondeu SIM ao chamado de Deus, entregando sua vida numa missão com o objetivo de ser um pouquinho de Deus na terra.

Que juntas e juntos possamos rezar por aqueles que buscam um caminho para sua vida, um sentido, uma resposta aos "cutucões" que Deus dá.
Estamos contigo!

Para Tod@s segue como presente um trecho do poema vocacional feito pela jovem Lucinéia Azevedo.

Felicidades neste dia!
Um grande Abraço!



segunda-feira, 5 de agosto de 2013

JMJ - Uma expressão de fé - Por Priscilla Fernandes


É difícil colocar em palavras toda a experiência vivenciada durante a semana da Jornada Mundial da Juventude. Foi um verdadeiro Pentecoste, onde cada uma de nós fez parte deste grande Cenáculo. Onde a linguagem que regia tudo se chamava AMOR.

Creio que precisarei de algum tempo para saborear toda esta experiência, toda esta energia que senti e experimentei. Quanta emoção!

Era uma sede de Deus enorme, uma demonstração de fé jamais presenciada em minha vida. Uma alegria contagiante, uma vibração que vinha de todos os cantos do mundo.

Verdadeiramente uma expressão de fé, um gesto de amor. Um Papa que é verdadeiramente outro Cristo na terra.

Que possamos ser evangelizadoras e missionárias, levar Cristo a tantos que ainda não O conhece e como Papa disse, sermos cristãos coerentes, sairmos de nós e irmos ao encontro daquele que necessita. 

Que possamos dar testemunho para o mundo que vale a pena ser Cristão Católico, que podemos e somos felizes seguindo a Cristo Redentor.



Sentimentos pós JMJ - Por Luiza Pralon


Pensar JMJ hoje é voltar em momentos únicos que ficarão para sempre em nossos corações e se fazem presente como eco que se dá no silencio da memória que hoje é agradecida a Deus.

Vivi momentos de renovar a fé, a esperança e deixar-se inundar e guiar pela energia jovial presente que faziam com que todos fossem um. Momentos intensos de encontro com Deus naquela multidão que se comprimia para ver o nosso querido Papa passar, uma verdadeira presença de Cristo em nosso meio.

Fiquei encantada ao perceber que não havia o que nos separasse, pelo contrario, havia sim o que nos tornava um... Uma só família, éramos muitos, mas estávamos por UM.
As palavras sempre afetuosas e questionadoras, do Papa Francisco a todo o momento levava-me a reavivar dentro de mim aquilo que nunca devemos perder, o amor, a coragem e a ousadia para a missão. Suas palavras me levavam a missão e em especial a de minha congregação.

Que experiência bonita, também de missão, foi estar na tenda vocacional. Expor nosso carisma e espiritualidade junto com a família Redentorista. Lá estávamos nós, as Oblatas, aquelas que desde sua origem nasceram para as mais pobres. Foi bonito perceber como nossos(a) jovens hoje ainda se questionam sobre como fazer a vontade de Deus e desejam entregar-se a Ele em favor dos(as) mais pobres.
Dentro de mim acontecia uma verdadeira transformação, passo a passo que mexia em todo meu ser, na minha sensibilidade de mulher jovem, apaixonada por este Deus Redentor que consegue fazer multidões silenciarem por causa de seu nome, por causa de seu grande amor que tanto nos encanta.

Na pessoa de minha mãe, irmão, tia e primos sentia-me unida à toda minha família que viveram com certeza a Jornada Mundial da Juventude. Na presença deles sentia vivo o início de minha vocação humana. Assim também como na comunidade Nazaré, lugar que foi plantada a semente Oblata em meu coração, vocação especifica.

Que lindo ter a meu lado as minhas irmãs de congregação presentes física e espiritualmente, foram especialmente lembradas na missa de encerramento, aonde na hora do ofertório vinham em minha mente e em meu coração e sobre a mesa eucarística eu as coloquei. Todas oblatas... Todas ofertas... Sobre o altar daquele dia, estavam presentes cada uma de minhas Irmãs de Congregação que vivem sobre o altar de cada dia.





Na noite de vigília, passada na rua aquecida pelo fervor de milhares de jovens que desde o anoitecer até a aurora estavam despertos louvando, cantando e dançando sem parar, sem cansar era impossível dormir, é algo que não dá para descrever. O ritmo destes dias ainda ecoa em meu coração.


Enfim, o Rio de janeiro Respirou e transpirou Jornada Mundial da Juventude, e queira Deus que continuemos todos que aí física ou espiritualmente estiveram presentes, respirando e transpirando este clima de amor e fraternidade.